Portal Icó News - Credibilidade é Tudo!

Terça, 16 de agosto de 2022
MENU

Ceará

Ceará apresenta queda de casos e sai do período crítico da 4ª onda de Covid-19

Estado apresentou redução de 90% dos casos nas últimas três semanas, foram 19 mil no dia 9 de julho para 1,7 mil nessa segunda-feira, 25.

206
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Ceará apresentou queda nos casos de Covid-19 nas últimas três semanas epidemiológicas (SE), referentes a SE 27 a 29, de 3 a 17 de julho, apresentando uma baixa de 90% dos casos confirmados da doença no Estado. Diante do cenário, a secretária executiva de Vigilância em Saúde, da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), Sarah Mendes, diz que o Estado sai do período crítico da quarta onda da doença. As informações foram divulgadas durante coletiva de imprensa realizada nesta terça-feira, 26.

Em junho, na Semana Epidemiológica (SE) 26, o Estado registrou o maior número de casos confirmados da doença em uma semana, o total de 27,4 mil casos. Nas semanas subsequentes, o quantitativo foi de 19.345 casos na SE 27, 9.468 na SE 28, registrando queda de 51%, e na SE 29, o total de 1.795 casos, com baixa de 81%. “Podemos dizer que saímos do período crítico da quarta onda, que foi onde o maior número de casos foram confirmados”, disse a secretária de Vigilância.

Ainda de acordo com Sarah Mendes, a quarta onda foi marcada pela introdução das sublinhagem da ômicron, que causou surtos na região Sul e em outros países. As sublinhagens tratam-se da BA.4 e BA.5 que, hoje, segundo a secretária, respondem a 89% das amostras sequenciadas no Estado. Em relação aos casos acumulados, é notável que o mês de junho teve o maior registro, além da média móvel.

“Em maio, tivemos um total de 2.932 casos confirmados e no dia 31 de maio, a média móvel registrada nos últimos sete dias anteriores foi de 133 casos. No cenário de junho, a gente teve 57, quase 58 mil casos confirmados e a média móvel do último dia do mês de junho dos sete dias anteriores chegou a 3.423,57 casos. Até o dia 25 de julho, a média móvel foi de 160 casos confirmados nos últimos sete dias, praticamente quase chegando ao cenário de maio, antes do início da 4ª onda”, explicou a secretária de vigilância da Sesa.

Queda na taxa de positividade

Para acompanhar os casos na população, o principal método é a positividade dos testes. No dia 9 de julho, o Ceará apresentou 50,2% dos testes positivos para cada 100 pessoas testadas. Nessa segunda-feira, 25, a positividade caiu 38,8% quando 11,4% dos testes deram positivos. A Sesa ressalta que é de competência dos municípios realizarem os testes. O Estado, no entanto, possui oito centros para apoiar os municípios. Eles estão localizados em Fortaleza, Maracanaú, Juazeiro do Norte, Crato e Iguatu.

Para agendar o teste gratuito de Covid-19, é necessário se cadastrar na plataforma Saúde Digital, na opção Testagem CT Rede Sesi. O agendamento estará liberado às segundas e quintas-feiras para os dias subsequentes. Após o registro completo e validado por e-mail, o paciente escolhe o endereço e marca o dia e horário do teste.

Taxa de abandono na vacinação

O Ceará aplicou o total de 21.742.970 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19. Foram 7,8 milhões no esquema primário, que corresponde à primeira e segunda dose (D1 e D2), onde contabiliza que 91,6% das pessoas foram vacinadas, 4,8 milhões na dose de reforço ou terceira dose e 959 mil na segunda dose de reforço ou quarta dose.

Um cenário na vacinação, no entanto, chama atenção: a taxa de abandono. No Ceará, 32% da taxa está relacionada às crianças de 5 a 11 anos, seguido de trabalhadores portuários, com 23,8%, indígenas (22,7%) e demais públicos. “São pessoas que tomaram a dose ou fizeram o esquema, mas não voltaram para completar a sua imunidade, ou seja, não tomaram sua segunda dose de reforço ou não tomaram a primeira dose de reforço”, explica Sarah.

Em 9 de julho, a nossa positividade, que é a cada 100 pessoas que testaram, 50,2% deram positivo. No dia 25 de julho, o cenário é de 11,4%, uma queda de 38,8% na positividade. A testagem é de competência dos municípios, no entanto, o Estado do Ceará mantém centro de testagem para apoiar o município considerando a importância dos testes, especialmente em cenários que a gente está em epidemia.

Confira os centros de testagem no Ceará

Hotel Excelsior
Onde: Na Praça do Ferreira, na rua Guilherme Rocha, 172 – Centro de Fortaleza
Horário: Segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas – por ordem de chegada

CT para Viajantes no Aeroporto Internacional de Fortaleza
Onde: Avenida Senador Carlos Jereissati, 3000 - Serrinha
(Exclusivo para viajantes)

Sesi Parangaba
Onde: Avenida João Pessoa, 6754 – Parangaba, Fortaleza
Horário: Segunda a sexta-feira, 9 às 16 horas

Sesi Maracanaú
Onde: Avenida do Contorno, 1103 – Distrito Industrial I
Horário: Segunda a sexta-feira, 9 às 16 horas

Sesi Juazeiro do Norte
Onde: Rua José Marrocos, 2265 – Pirajá.
Horário: Segunda a sexta-feira, 9 às 16 horas

Sesc Crato
Onde: Rua André Cartaxo, 443 – Centro
Horário: Segunda a sexta-feira, 7 às 19 horas

Sesc Iguatu
Onde: Rua Treze de Maio, 1130 – Centro
Horário: Segunda a sexta-feira, 7 às 19 horas

Fonte/Créditos: O Povo

Créditos (Imagem de capa): foto: Júlio Caesar

Comentários:

Publicidade
Publicidade

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )